Tartarugas Marinhas de Cabo Verde
Plataforma de divulgação do trabalho em defesa das Tartarugas Marinhas em Cabo Verde
28 Julho 2008

Campanha 2009 para a preservação das Tartarugas Marinhas

Lazareto , Ilha de São Vicente

 

 

De 22 à 26 de Julho 09 teve lugar em São Vicente uma formação dirigida para monitores locais com objectivo de reforçar as suas capacidades na conservação e preservação das tartarugas marinhas (TM) que acontece todos os anos no inicio da Campanha. Esteve presente na formação voluntários da Liga das Associações Juvenis de São Vicente, da Associação de Ponta d´Pom e da Associação Comunitária do Lazareto

 

 

Este ano o objectivo principal da campanha é a marcação intensiva de tartarugas, sendo marcar o máximo numero de tartarugas tanto no mar como na terra e independente .da espécie para poder ter conhecimento o numero de tartarugas existente nas 3 Ilhas do Projecto. Por isso a tema central da formação foi a marcação de tartarugas ensinando os voluntários a marcar as tartarugas
 A marcação é feita com placas metálicas numeradas colocadas nas nadadeiras das tartarugas marinhas. assim apelamos a todos a que em caso encontrem uma tartaruga marinha marcada não retire as placas metálicas, anote o número da placa, o local e a data da ocorrência, entre em contacto com INDP.
 
 A formação teve duração de 5 dias e  foi dividida em 2 módulos:Um módulo teórico de 6h realizado no INDP , com apresentações e debates das seguintes temas:.Porque conservar as tartarugas marinhas; elementos da ecologia e da biologia, porque não devemos ter tartarugas em casa, as principais ameaças, a marcação de tartarugas, normas de conduta a quando da monitorização das praias de desova, Experiencia da comunidade piscatória da Cruzinha da Graça, Santo Antão, na conservação das TM e a importância do voluntariado na conservação do TM

Neste dia a  RTC, TCV, e Rádio Nova  fizeram uma reportagem sobre o acontecimento.

  

 

 O Segundo módulo prático de 4 noites  (23 á 26 de Julho 09), foi realizado na praia de lazareto onde foi montado um acampamento. Este acampamento ficará activo até o fim da Campanha

Durante a noite foi realizado monitorização nocturna, contagem de rastros e ninhos e marcação de tartarugas, entre outros.

Ainda de manha foi realizado prospecções nas praias de norte de baia á Praia Grande, Praia Preta,  Palha Carga, Galé, Calheta e São Pedro

  

 

 

 

Obrigada aos voluntários que participaram na formação

 

publicado por INDP às 11:18
28 Julho 2008

No dia 18 de Julho foi feito uma campanha de limpeza na praia de Lazareto com a colaboração dos voluntários da Liga de Associações Juvenis.

A praia de Lazereto tem sido uma praia muito sujo devido ao lixo que é trazido no mar e o lixo que as pessoas deixam na areia. e agora como podem ver na foto em baixo está a ser poluído com agua de cimento provenientes das obras feitas perto da praia.

 

 

Apelamos a todos que vão a essa praia ,que não estragam os ninhos que estão lá marcados, que levam o lixo para casa e não perturbar nenhuma tartaruga que esteja á desovar.

Pedimos também aos trabalhadores das obras para não sujar ou poluir mais a praia.

 

Em baixo podem ver as fotos da campanha de limpeza

 

 

 

 

 

 

Os nossos Agradecimentos aos voluntários que participaram nesse dia e a Câmara Municipal de São Vicente

publicado por INDP às 09:04
20 Julho 2008

 

Campanha 2009 para a preservação das Tartarugas Marinhas
Cruzinha da Garça, Ilha de Santo Antão
 
 
 
Entre 6 e 13 de Julho técnicos do INDP viajaram a Santo Antão para realizar uma formação de reforço das capacidades dos monitores locais que trabalham Campanha para a preservação das Tartarugas Marinhas 2009.
Antes da formação os técnicos reuniram com os parceiros da conservação, os representantes das Câmaras Municipais de Ribeira Grande E Ribeira de Paul e suas Equipas Técnicas Municipais Ambientais, a Delegação do Ministério de Ambiente, desenvolvimento Rural e Recursos Marinhos Sr. Orlando Freitas. E ainda com membros do Gabinete orientação e Inserção Profissional (GOIP), da organização de mulher de Cabo Verde (OMCV). 10 pessoas participaram na formação, todos jovens pescadores dos concelhos de Ribeira Grande e Ribeira de Paul.
 
 
 
 
Em 2009 o objectivo central e a marcação de tartarugas das praias da zona. Nesse sentido, após ter discutido e desenhado juntamente com a Comunidade o plano das actividades de 2009, apoiados pelos pescadores locais, a formação deslocou até as praias do Sul. Ao longo de 4 dias, foram realizadas prospecção de praias, monitorização nocturna, contagem de rastros e ninhos e marcação de tartarugas.Durante essa formação tivemos a visita de 3 pescadores de Monte Trigo conselho de Porto Novo,uma zona onde comem muitas tartarugas e que esta ano queremos tentar sensibilizar nesse aspecto.
 
 
 
Ainda, durante o dia, os formandos realizaram pesca a linha nas Baias vizinhas para identificar as espécies mais abundantes da zona. Donde as Caretta caretta frequentemente são vistas a nadar em quanto esperam a noite para sair a aninhar.
 
Os nossos agradecimentos ao Presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, Orlando Delgado; O Delegado do Ministério de Ambiente, Desenvolvimento Rural e Recursos Marinhos, Orlando Freitas; O Vereador da juventude e Liana Delgado da Câmara Municipal do Paul; Representante do INDP, Renato Delgado; equipa da OMCV, os formandos, particularmente à comunidade da Cruzinha da Garça
Autor Melisa Alves

 

publicado por INDP às 12:29
04 Julho 2008

 

As tartarugas marinhas já começaram a visitar as nossas praias desde do mês passado e com isso  começam as campanhas de preservação e sensibilização da população em todo Arquipélago.
 
Este ano temos um novo Projecto, que é chamado Projecto Vitó,  iniciativa dos povoadores de São Filipe, no Fogo  e que iniciou com a libertação de uma tartaruga (Vitó jr) ao mar.
 
Sempre no Fogo, infelizmente uma das primeiras tartarugas que desovaram nessa ilha foi capturada e morta. mas os responsáveis já foram presos pelas autoridades.

Em São Vicente,  desde o dia 1 de Julho, temos feito visita as   principais praias de desova para verificar a presencia de rastros e ninhos. Foram encontrados 4 rastros, dois na Praia do Flamengo e dois na Praia do Lazareto. Ainda não foi encontrado ocorrência de ninhos
Para o Concelho de Paul, as informações da Delegação do INDP informa da marcação de dois ninhos por iniciativa dos povoadores, juntamente com o apoio da Câmara Municipal
 
Está semana a equipa da Unidade da coordenação do Projecto, irão viajar para S.Antão para dar pontapé de partida na campanha 09 nessa ilha. 
 
publicado por Melisa Alves às 17:27
editado por INDP em 08/09/2009 às 12:12
Newsletter

Introduza o seu endereço de e-mail:

pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Olá :)Este blog tem andado muito "sossegado", faz ...
Belíssimo este trabalho. Parabéns!
é sempre bom proteger as espécies em vias de extin...
Nossa, seria um sonho ver essas iniciativas explod...
Bem interessante, aqui no Rio de Janeiro nós també...
Que lega ver a tecnologia em função do meio ambien...
Posts mais comentados
subscrever feeds
blogs SAPO
Projecto:

Financiadores:
Patrocinadores:

Apoios:

Municípios:

Associações comunitárias:
  • Associação Comunitária Nova Experiência Marítima da Cruzinha da Garça
  • Escuteiros de Ponta de Pão, São Vicente
  • Espaço Jovem de São Vicente

  • Projecto ESPERANÇA em São Nicolau:

- COMUNIDADE DO CARRIÇAL
- COMUNIDADE DE PREGUIÇA