Tartarugas Marinhas de Cabo Verde
Plataforma de divulgação do trabalho em defesa das Tartarugas Marinhas em Cabo Verde
28 Julho 2008

Campanha 2009 para a preservação das Tartarugas Marinhas

Lazareto , Ilha de São Vicente

 

 

De 22 à 26 de Julho 09 teve lugar em São Vicente uma formação dirigida para monitores locais com objectivo de reforçar as suas capacidades na conservação e preservação das tartarugas marinhas (TM) que acontece todos os anos no inicio da Campanha. Esteve presente na formação voluntários da Liga das Associações Juvenis de São Vicente, da Associação de Ponta d´Pom e da Associação Comunitária do Lazareto

 

 

Este ano o objectivo principal da campanha é a marcação intensiva de tartarugas, sendo marcar o máximo numero de tartarugas tanto no mar como na terra e independente .da espécie para poder ter conhecimento o numero de tartarugas existente nas 3 Ilhas do Projecto. Por isso a tema central da formação foi a marcação de tartarugas ensinando os voluntários a marcar as tartarugas
 A marcação é feita com placas metálicas numeradas colocadas nas nadadeiras das tartarugas marinhas. assim apelamos a todos a que em caso encontrem uma tartaruga marinha marcada não retire as placas metálicas, anote o número da placa, o local e a data da ocorrência, entre em contacto com INDP.
 
 A formação teve duração de 5 dias e  foi dividida em 2 módulos:Um módulo teórico de 6h realizado no INDP , com apresentações e debates das seguintes temas:.Porque conservar as tartarugas marinhas; elementos da ecologia e da biologia, porque não devemos ter tartarugas em casa, as principais ameaças, a marcação de tartarugas, normas de conduta a quando da monitorização das praias de desova, Experiencia da comunidade piscatória da Cruzinha da Graça, Santo Antão, na conservação das TM e a importância do voluntariado na conservação do TM

Neste dia a  RTC, TCV, e Rádio Nova  fizeram uma reportagem sobre o acontecimento.

  

 

 O Segundo módulo prático de 4 noites  (23 á 26 de Julho 09), foi realizado na praia de lazareto onde foi montado um acampamento. Este acampamento ficará activo até o fim da Campanha

Durante a noite foi realizado monitorização nocturna, contagem de rastros e ninhos e marcação de tartarugas, entre outros.

Ainda de manha foi realizado prospecções nas praias de norte de baia á Praia Grande, Praia Preta,  Palha Carga, Galé, Calheta e São Pedro

  

 

 

 

Obrigada aos voluntários que participaram na formação

 

publicado por INDP às 11:18
Newsletter

Introduza o seu endereço de e-mail:

pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Olá :)Este blog tem andado muito "sossegado", faz ...
Belíssimo este trabalho. Parabéns!
é sempre bom proteger as espécies em vias de extin...
Nossa, seria um sonho ver essas iniciativas explod...
Bem interessante, aqui no Rio de Janeiro nós també...
Que lega ver a tecnologia em função do meio ambien...
Posts mais comentados
blogs SAPO
Projecto:

Financiadores:
Patrocinadores:

Apoios:

Municípios:

Associações comunitárias:
  • Associação Comunitária Nova Experiência Marítima da Cruzinha da Garça
  • Escuteiros de Ponta de Pão, São Vicente
  • Espaço Jovem de São Vicente

  • Projecto ESPERANÇA em São Nicolau:

- COMUNIDADE DO CARRIÇAL
- COMUNIDADE DE PREGUIÇA